Terça-feira, 4 de Setembro de 2007
SEMELHANÇAS

Um destes dias dei por mim a olhar para a TV a ver o novo anúncio com o Ricardo Azevedo. Um espectáculo. A malta a delirar, montes de gente. O camião. Uau! Até me roí de inveja de não ser eu, confesso, ali a passar a ponte. Até aí nada de especial. Mas não é que às tantas, estou eu a lavar a loiça, de avental ao peito, quando ouço outra vez o anúncio a passar na TV e me vem à memória uma artista esquecida e com um talento similar. Pareceu-me até que a estava a ver, há uns anos atrás no cimo daquele camião, a passar a Ponte 25 de Abril. Ah! Bons tempos. Mas porque seria? Até hoje não parei de pensar nisso. Foi então, que assim, sem mais nem menos me veio à cabeça: "Brinquei, trinquei (ou lá como era), Ris e dás-me a volta à cabeça...". É isso! "Amor D'água Fresca". Qualquer semelhança é pura coincidência, mas não é que até os acho parecidos? Se o Millenium existisse há uns anos atrás, a Dina era sem dúvida a artista do camião. Senão, vejam lá... um e outro. Primeiro o sorridente Ricardo e depois a fantástica Dina!

</p>

publicado por GOMO às 23:06
link do post | comentar | ver comentários (5)


pesquisar
 
tags

todas as tags

links